Benito Gama acionará Justiça do Trabalho e MP contra demissões em massa na Bahia

Escrito 01/07/2016, 15:26
Por Renata
Categoria destaque

    Benito: “Depois de se aproveitar dos incentivos fiscais, a Itaguarana está fechando as portas.”


Em discurso no Plenário da Câmara, o deputado Benito Gama (PTB-BA) anunciou que vai notificar a Justiça do Trabalho na Bahia, o Ministério Público e o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, para tentar reverter as demissões ocorridas no município baiano de Ituaçu.

Segundo o parlamentar, nesta semana, o Grupo João Santos e a empresa de cimento Itaguarana demitiram centenas de empregados. O parlamentar defendeu a realocação desses trabalhadores.

"É um momento extremamente grave para a Bahia. Observamos, em Ituaçu, a Itaguarama encerrando suas atividades e demitindo funcionários, sem nenhuma razão para uma empresa que há 40 anos lucra naquela terra", disse Benito Gama.

Segundo o parlamentar, a Itaguarana é considerada âncora e geradora de emprego e renda. "Não somente em Ituaçu, minha terra, mas em outras cidades da região. É uma empresa que, nesses anos todos, aproveitou os incentivos fiscais do governo federal, do Imposto de Renda do IPI, do ICMS, e está agora fechando as portas", ressaltou.

O deputado cobrou que o governo da Bahia tome uma atitude e criticou o descaso em relação ao fato.

"Não se ouve uma palavra do governo da Bahia sobre essa questão. Isso é muito grave. Mas vamos lutar para que esses empregados sejam realocados na própria indústria ou em outras da região”, afirmou.

De acordo com Benito Gama, o assunto é suprapartidário e pertence à Bahia. “Nós vamos lutar por isso. Os empresários não vão chegar, usar seu prestigio, os impostos dos contribuintes e dos municípios para, depois de usá-los, abandoná-los", concluiu.
 
(Com informações da Assessoria de Imprensa do deputado Benito Gama)
Foto – Reprodução

Comentários

Não existem comentários

Postagem de comentários após três meses foi desabilitado.
  • ©2020 PTB na Câmara. Todos os direitos reservados.