Bengtson: economia crescerá quando mercado perceber que Temer e Congresso são aliados

Escrito 24/05/2016, 16:01
Por Renata
Categoria destaque

     Bengtson: “O Congresso tem que estar presente, pois foi ele quem derrubou Dilma Rousseff.”


Ao afirmar que o Congresso Nacional precisa sentir-se responsável pelo governo de Michel Temer, por ter afastado a presidente Dilma Rousseff do poder, o deputado Josué Bengtson (PTB-PA) destacou que a economia vai voltar a crescer quando o mercado perceber que o Parlamento é um aliado do presidente interino.

“O Congresso tem que estar presente, pois foi ele quem derrubou a outra presidente. Então, temos que sentir a reponsabilidade pelo presidente Temer. Ele depende daqueles que estão querendo fazer a mudança”, declarou o parlamentar.

Por outro lado, Josué Bengtson fez uma ressalva: disse que apoiará as medidas que forem boas para o povo brasileiro, desde que isso não represente novos impostos, taxas ou contribuições.

"Precisamos fazer a economia crescer, temos que gerar credibilidade para o Brasil. Isso está dentro da capacidade dos parlamentares. Quando o mercado internacional perceber que o Congresso Nacional está aliado ao presidente Temer, vamos voltar a ter credibilidade. O País vai deixar de ter aquela pecha, que recebeu agora, de ser mau pagador. Quando o capital estrangeiro começar ingressar no Brasil, a roda começa a rodar”, previu.

O deputado ainda manifestou sua satisfação pelo fato de Michel Temer ter reconhecido, no dia em que assumiu a Presidência da República, a importância do setor agrícola para o País.

“Sem ampliar as áreas plantadas, estamos aumentando a produção. Na mesma área em que colhíamos 100 milhões de toneladas, hoje colhemos perto de 200 milhões e, em breve, vamos ultrapassar esse valor”, afirmou.
 
Reportagem – Renata Tôrres, com a colaboração de Regina Mesquita
Foto – Jotaric

Comentários

Não existem comentários

Postagem de comentários após três meses foi desabilitado.
  • ©2020 PTB na Câmara. Todos os direitos reservados.